por ACA

No ano de 2015 na cidade de Petrolina, interior do Estado de Pernambuco, aconteceu um crime no tradicional Colégio de Freiras da cidade, que a criança Beatriz Angélica Mora Ferreira da Silva foi encontrada esfaqueada dentro do colégio, que estava acontecendo uma festa de formatura que contava com mais de 2 mil pessoas e ninguém viu o crime acontecer. A criança foi encontrada com várias facadas pelo corpo e até hoje o caso nunca foi solucionado ou o suposto criminoso foi encontrado.

No último dia 5 de dezembro, os país de Beatriz, Lucinha Mota e Sandro Romildo, saíram de Petrolina ruma a capital pernambucana, para cobrarem justiça e serem ouvidos no Palácio das Princesas, sede do Governo do Estado de Pernambuco. Para pedir que o caso da sua filha possa ser migrado para esfera federal, por acreditarem que as autoridades pernambucanas não estão tendo condições de atuar em seu caso e fazendo um péssimo trabalho com as investigações.

A mãe e o pai de Beatriz passaram na semana passada por Arcoverde, e com isso a Associação Comercial e Empresarial de Arcoverde (ACA), em parceria com empresários, comerciantes, profissionais liberais, sistema de segurança, sistema de saúde e voluntários, arrecadaram doações de remédios, alimentos, exames médicos e também quantias em dinheiro para ajudar o casal em sua jornada, desde que chegaram a Arcoverde  e até o momento que saíram da cidade, também a sua equipe que está lhe acompanhando desde de Petrolina. A ACA se organizou junto com parceiros para se solidarizar com esse crime que chocou não só a nossa cidade, mas como todo o país.

Todos que participaram dessa corrente de solidariedade, desejam que essa travessia seja segura e que os pais da menina Beatriz possam ser ouvidos e que o seu pedido seja acatado. Para que a justiça seja feita e que os culpados por esse crime sejam encontrados e presos pelo que fizeram.

Conheça mais sobre o caso acessando os links abaixo:

https://jc.ne10.uol.com.br/colunas/ronda-jc/2021/12/14923376-caso-beatriz-sds-pede-demissao-de-perito-denunciado-por-pais-de-menina-morta-em-petrolina.

htmlhttps://tab.uol.com.br/noticias/redacao/2021/12/19/caso-beatriz-mae-de-crianca-assassinada-com-42-facadas-vai-caminhar-712-km.htm

ACA
Sobre ACA
ACA em conjunto com parceiros ajudam os pais da menina Beatriz em sua luta por justiça!