por ACA

O Governo de Pernambuco iniciou a entrega da Carteira Nacional do Artesão a mais de oito mil profissionais do Estado. A identificação profissional faz parte do Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato Brasileiro (SICAB). Com a carteira, além do reconhecimento de sua atividade, os artesãos ficam habilitados a participar de feiras nacionais e internacionais, passam a ter isenção do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na emissão de notas fiscais e contam com mais facilidade para participar de capacitações e para conseguir empréstimos junto a instituições financeiras.

“As carteiras vêm para valorizar e facilitar a vida dos artesãos do estado, e principalmente dos artesãos de Arcoverde”, observa Jaime Espósito, presidente da ACA.

O cadastramento dos artesãos pernambucanos pelo SICAB teve início em 2007 após um recenseamento promovido pelo Programa do Artesanato Brasileiro (PAB) e pelo Programa do Artesanato de Pernambuco (Pape). A ação foi coordenada pela AD Diper e colocou Pernambuco entre os estados brasileiros com o maior número de artesãos cadastrados.

Os artesãos do Estado já cadastrados no SICAB podem retirar suas carteiras no Centro de Artesanato localizado no Marco Zero, no Recife. Os artesãos que ainda não são cadastrados podem comparecer ao local para realizar o cadastro e receber a carteira do artesão no ato. Para isso, é preciso ligar para o número (81) 3181.3465, realizar o agendamento e ir ao Centro munido de cópias dos documentos de identidade, CPF e comprovante de residência juntamente com duas fotos 3×4, uma peça artesanal de sua autoria já finalizada e matéria-prima para demonstração da produção da peça na hora.

PAPE

O Programa de Artesanato de Pernambuco (PAPE) foi criado em março de 2008 pela AD Diper com o objetivo de promover o desenvolvimento do setor artesanal do Estado e valorizar o artesão pernambucano através de ações e políticas públicas. O programa é uma ação integrada do Governo do Estado e de órgãos comprometidos com o desenvolvimento do artesanato, entre eles: Fundarpe, Empetur, Prorural, Secretarias da Mulher e da Juventude, Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE – Laboratório O Imaginário), representantes da sociedade Civil, representantes da categoria dos artesãos e o Serviço de Apoio a Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Entre as principais ações desenvolvidas pelo Pape estão a coordenação da Fenearte, da Unidade Móvel de Comercialização do Artesanato, dos Centros de Artesanato de Recife e Bezerros, além do apoio à participação de artesãos nas mais importantes feiras locais, nacionais e internacionais.
Com informações da Assessoria de Imprensa da AD Diper.

ACA
Sobre ACA
Entregue Carteira de Artesãos