por ACA

Palestra: Atendimento Prioritário à Pessoa com Transtorno do Espectro Autista TEA

Na noite do dia 23 de Julho no auditório da CDL foi realizada a Palestra: Atendimento Prioritário à Pessoa com Transtorno do Espectro Autista. Qual o meu papel nesse processo? Mais uma ação da Associação Comercial e Empresarial de Arcoverde (ACA) em conjunto com a Prefeitura de Arcoverde, Secretaria de Assistência Social e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), contando com sorteio de brindes e coffee break e tendo por finalidade conscientizar os empresários e colaboradores sobre o atendimento prioritário à pessoa com o autismo, fixada na lei nacional 10.048/00.

Lei essa que regulamenta os portadores de deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 anos, as gestantes, as lactantes e as pessoas acompanhadas por crianças de colo que terão atendimento prioritário. Na data de 17 de Abril de 2018 a Prefeita Madalena Britto assinava a lei municipal 2.356/2018, concebendo aos estabelecimentos públicos e privados ficam obrigados a inserir placas de atendimento prioritário, o símbolo mundial da conscientização do Transtorno do Espectro Autista, como também inserir indicativos nas placas de estacionamento preferenciais reservadas para pessoas com deficiência (PCD) em estacionamentos e garagens de responsabilidade da prefeitura a seguinte mensagem “ATO DE CIDADANIA – RESPEITE A VAGA PREFERENCIAL”.

Comandada pela assistente social Cristiana Santana, a palestra teve como ponto chave alertar os empresários, comerciantes e as pessoas portadoras do TEA (Transtorno do Espectro Autista) mais atenção no dia a dia no comércio e em ambientes públicos a atenção com esses portadores, e que o não comprimento das normas estabelecidas pela lei municipal 2.356/2018 estarão sujeitos a três penalidades:

• Advertência;
• Multa de vinte Unidades Fiscais do Município (UFMS), em caso de resistência;
• Suspensão do Alvará de licenciamento do estabelecimento, na terceira constatação, até o cumprimento desta lei.

” Os comerciantes, empresários e a população devem sempre estar atentas às leis que visam a melhor qualidade de vida para os portadores de deficiência, adequando o seu comércio, estacionamentos e funcionários para que estejam sempre atentos em oferecer o melhor atendimento e por em pratica os direitos destes portadores”. Relatou o presidente da ACA, Rodrigo Henrique.

Autismo é um termo geral usado para descrever um grupo de transtornos do desenvolvimento do cérebro, de início precoce, conhecidos modernamente como Transtornos do Espectro Autista (TEA). O distúrbio afeta a comunicação e capacidade de aprendizado e adaptação da criança, comportamentos restritos e repetitivos, rituais estereotipados e alterações sensoriais suficientes para gerar dificuldades em diversos contextos da vida. Os autistas apresentam o desenvolvimento físico normal, mas eles têm grandes dificuldades de firmar relações sociais e afetivas. É necessário tratarmos com amor, carinho e respeito.

ACA
Sobre ACA
Atendimento Prioritário à Pessoa com TEA